Mundo WhoDat

A casa do torcedor do New Orleans Saints no Brasil!

Alvin Kamara e três outros se declaram inocentes da acusação de agressão

Por Associated Press | Tradução Leonardo Mendonça

Dia 2 de Março em Nevada, o running back do New Orleans Saints Alvin Kamara e três outros homens se declararam inocentes das acusações de que espancaram um homem em uma boate em Las Vegas antes do Pro Bowl de 2022 da NFL.

Kamara apareceu ao lado do cornerback do Cincinnati Bengals, Chris Lammons, e dos outros réus Darrin Young e Percy Harris perante ao tribunal estadual. Eles podem ser julgados em 31 de julho, de acordo com o cronograma definido pelo juiz.

Os quatro são acusados de crime e contravenção por supostamente socar, chutar e pisar em Darnell Greene Jr., de Houston, durante uma briga do lado de fora de um elevador.

“Inocente, meritíssimo”, declarou Kamara, que disputou o jogo all-star da liga no dia seguinte ao suposto ataque. A polícia o interrogou após o jogo e ele foi preso em 6 de Fevereiro de 2022, sob suspeita de agressão criminosa, resultando em lesões corporais substanciais. Lammons, Young e Harris foram presos dias depois.

A acusação de crime de agressão pode resultar em um a cinco anos de prisão estadual. Conspiração para cometer agressão acarreta em uma possível sentença de contravenção de 364 dias na prisão do condado.

Os advogados de Kamara classificaram a altercação como legítima defesa de Kamara e criticaram os promotores por levarem o caso a um grande júri, onde o testemunho foi feito e as provas apresentadas a portas fechadas.

Do lado de fora do tribunal, o advogado David Chesnoff disse apenas que Kamara esperava o julgamento “e ser declarado totalmente inocente”.

Os advogados que representam Young e Harris se recusaram a comentar.

O advogado de Lammons, Ross Goodman, reconheceu que Lammons atingiu Greene, mas chamou isso de “uma resposta adequada” ao ser empurrado no corredor da boate. O advogado disse que Lammons, 27, de Fort Lauderdale, Flórida, tentou afastar os outros homens.

Greene foi tratado por uma fratura nos ossos ao redor de um olho e relatou lesões no pescoço, costas, ombros e joelhos, de acordo com a polícia e documentos judiciais em Nova Orleans.

“Em nenhum momento durante este ataque Greene bateu, socou ou empurrou Kamara ou qualquer um de seus associados”, disse a polícia de Las Vegas em um relatório de prisão.

A polícia disse que o incidente começou quando Kamara colocou a mão no peito de Greene para impedi-lo de entrar no elevador, Greene empurrou a mão do jogador de futebol e uma pessoa com Kamara deu um soco em Greene.

No relatório policial, um detetive disse: “Quando perguntado por que Kamara deu um soco em Greene, Kamara indicou que pensava que Greene estava fugindo e tinha feito algo para seu grupo, então ele perseguiu e socou Greene várias vezes.”

Greene tem uma ação civil pendente contra Kamara em um tribunal de Nova Orleans, buscando pelo menos US$ 10 milhões em danos.

“O Sr. Greene estava apenas tentando entrar no elevador e foi espancado quase até a morte”, disse o advogado de Greene em Houston, Tony Buzbee, em um e-mail na segunda-feira. Buzbee disse que o processo civil está suspenso enquanto se aguarda o resultado no caso de Las Vegas.

Kamara, de 27 anos, é um dos melhores running backs da NFL. Ele foi nomeado Calouro Ofensivo do Ano em 2017 e foi selecionado para o Pro Bowl em suas primeiras cinco temporadas na liga. Ele terminou a temporada de 2022 com quase 1.400 jardas de scrimmage e quatro touchdowns.

O Saints disse que a equipe estava monitorando de perto o caso de Las Vegas, mas se recusou a fazer mais comentários.

Lammons joga na NFL desde 2018 pelo Miami Dolphins e Kansas City Chiefs. Ele foi reivindicado dos waivers em janeiro pelo Cincinnati Bengals.

O Bengals não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

Oficiais da liga disseram que a NFL não comentará até que o caso seja resolvido.

Imagem de capa: Kyle Terada-USA TODAY Sports

Traduzido de: espn.com/nfl

Please follow and like us:

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.