Mundo WhoDat

A casa do torcedor do New Orleans Saints no Brasil!

Safety Tyrann Mathieu agradece o apoio do Saints durante sua ausência

De John DeShazier | Traduzido por Leonardo Mendonça

“Foi realmente incrível receber esse apoio e carinho”

Na primeira coletiva de imprensa de Tyrann Mathieu desde que se juntou ao New Orleans Saints no training camp, o safety All-Pro disse estar grato pelo apoio que recebeu dos companheiros de equipe e da organização durante o tempo em que esteve fora para tratar de um assunto pessoal.

Mathieu perdeu os primeiros seis treinos do camp, mas esteve presente nos dois últimos, nos quais entrou em um período de aceleração enquanto se prepara para se juntar aos treinos como participante completo.

“Para ser honesto, tenho sido muito apoiado”, disse Mathieu. “Do ponto de vista da equipe, eles têm sido muito solidários – companheiros de equipe, ex-companheiros de equipe, muitas pessoas diferentes apoiando. Foi realmente incrível receber esse apoio e carinho.”

“Tenho certeza de que em algum momento serei mais transparente sobre os primeiros seis dias de treinos, mas mais importante que isso, estou feliz por estar de volta ao redor dos caras. Estou me sentindo bem, estou de bom humor, muito saudável. Tudo o que é importante está indo bem. Estou em um bom momento e é tudo uma questão de pegar ritmo e voltar ao meu ideal.”

Mathieu disse que o apoio foi vital para ele enquanto estava longe da equipe.

“É extremamente importante”, disse ele. “Acho que muitas vezes, especialmente com pessoas fortes, nós meio que deixamos essas pessoas seguirem a vida e nunca realmente mostramos esse apoio, ou mesmo nem consideramos fazer isso. Ter o apoio da equipe e do treinador me permitiu – acho que sou um homem forte na maioria das vezes – mas me permitiu apenas abraçar isso. Abraçar esse momento e abraçar esse apoio.”

A atividade de Mathieu foi limitada em seus dois primeiros treinos. Seu conhecimento da defesa é bastante alto, dada a sua participação no programa de offseason da equipe. Mas seu corpo tem que ser condicionado.

“É um pouco fora do normal para mim”, disse ele sobre esse período de condicionamento gradual. “Geralmente sou um daqueles caras que nunca perde um treino ou algo assim. Foi preciso algum ajuste mental, porque realmente quero estar lá, mas no final do dia é uma longa temporada e aqui temos realmente grandes expectativas de jogar nos playoffs. Não é necessariamente importante para mim estar na forma ideal agora, mas estar onde preciso estar quando for a hora certa.

“É um ajuste justo. Obviamente, você quer seguir o conselho do treinador, você quer seguir o conselho dos preparadores físicos. Então escuto esses caras, eu abraço o que eles me dizem. Mas acho que em meu espírito, sei onde pertenço, e é dentro de campo. Então é meio que tirar isso da minha cabeça e perceber que há muitas pessoas ao meu redor que prezam pelos meus melhores interesses daqui para frente.”

A participação dele aumentará em breve, talvez até por obra do próprio Mathieu.

“Eu brinquei com meu treinador (quarta-feira). Eu disse, ‘E se eu simplesmente correr lá fora?’ Ele só riu”, disse Mathieu. “Mas esses caras vão tomar seu tempo. Ainda estou aprendendo o sistema, mas sinto que estou bem adiantado no aprendizado. É tudo uma questão de acertar o corpo, me ajustar, e não ir rápido demais. Porque eu acho que se você for rápido demais às vezes, coisas ruins podem acontecer. Se você puder ir devagar, você pode meio que controlar as coisas ruins.”

Traduzido de: www.neworleanssaints.com

Please follow and like us:

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.