Mundo WhoDat

A casa do torcedor do New Orleans Saints no Brasil!

Dennis Allen comenta a decisão dos Saints de negociar C.J. Gardner-Johnson

John Sigler, Traduzido por Bruno Pimenta Starling

30 de agosto de 2022 13:59

A maior notícia do último dia de cortes nos elencos das equipes da NFL não é um corte — é uma troca, com os New Orleans Saints enviando C.J. Gardner-Johnson para o Philadelphia Eagles em um movimento surpreendente. E para seu crédito, o treinador dos Saints, Dennis Allen, encarou de frente a mudança durante sua última coletiva, anunciando a negociação.

“Eu quero dizer isso”, disse Allen à mídia local após o treino na terça-feira, “Essa não foi uma decisão fácil. Eu amo Chauncey. Ele tem sido uma grande parte do que conseguimos fazer aqui, especificamente defensivamente… Não teríamos feito isso se não nos sentíssemos extremamente confiantes no grupo que temos.”

Allen desejou publicamente boa sorte a Gardner-Johnson e depois passou para a próxima pergunta. Parece evidente que ele chancelou a troca — lembrem-se, a carreira de Allen nos Saints começou como treinador de defensive backs, antes de ser promovido a coordenador defensivo. Agora, ele é o treinador principal. Ele conhece Gardner-Johnson tão bem quanto se poderia esperar. E quando chegou a hora, ele olhou para a situação objetivamente e fez a jogada que sentiu ser a mais benéfica para a equipe.

O que é encorajador é o voto de confiança dado por Allen ao resto de sua secundária, que foi ecoado pelos líderes da defesa, Demario Davis e Tyrann Mathieu. Cada um deles elogiou Gardner-Johnson (Davis repetidamente o chamou de jogador “fenomenal”) enquanto falava de outros jogadores com experiência na posição de slot, apontando para veteranos da NFL como Bradley Roby, P.J. Williams e Justin Evans como caras que eles confiam que podem ajudar a equipe. O calouro Alontae Taylor também foi mencionado. Como Mathieu disse: “Acho que temos um bom elenco. Acho que temos um elenco forte”.

Como disse Allen, é uma situação difícil de lidar. Ele acredita que o elenco que construiu pode absorver esta perda e permanecer competitivo. Veremos se essa confiança se justifica quando as luzes se acenderem em duas semanas.

Adam Schefter, da ESPN, noticiou que New Orleans recebe do Philadelphia Eagles uma escolha de quinta rodada em 2023 e a pior das duas escolhas de sexta rodada dos Eagles em 2024. E o Saints manda uma escolha de sétima rodada de 2025 + C.J. Gardner-Johnson para o Eagles.

Traduzido de: saintswire.usatoday.com

Please follow and like us:

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.