Mundo WhoDat

A casa do torcedor do New Orleans Saints no Brasil!

PRÉ-JOGO: CAROLINA PANTHERS VS NEW ORLEANS SAINTS

O tempo voa, né? Um dia você está ansioso para a temporada começar, no outro está chegando ao terceiro fim de semana de futebol americano e lembrando todos os motivos que te fazem amar e odiar essa franquia. As duas primeiras semanas da NFL trouxe aos torcedores do Saints um pacote quase completo do que a equipe costuma proporcionar: altas emoções, momento de êxtase e momentos de muita raiva.

Sinceramente, o calendário foi um tanto quanto sacana para esse mix de emoções, enfrentar os três adversários de divisão nas primeiras semanas é bom para aflorar a rivalidade e a urgência de vencer jogos, além da típica emoção e imprevisibilidade que estes jogos trazem. Mas, encarar jogos tão importantes no início da temporada pode ser um tanto quanto traiçoeiro, visto que claramente a equipe ainda está se adaptando a mudanças dentro e fora de campo.

Dito isso, o Saints chega na semana 3 para fechar essa sequência insana de confrontos de divisão, enfrentando seu rival da Carolina do Norte. O Saints chega para esse jogo com a campanha de 1-1, vencendo o Falcons por 27 a 26, e perdendo em casa para o Bucs por 20 a 10. Quanto ao Panthers, a equipe chega sem vencer uma partida, após derrotas para o Browns em casa por 26 a 24, e para o Giants por 19 a 16. Ou seja, as duas equipes chegam nesta semana sem convencer com suas atuações, e necessitando de uma vitória para que as coisas não se compliquem cada vez mais.

Falando um pouco da história do confronto antes de se aprofundar no confronto de domingo, Saints e Panthers já se enfrentaram 54 vezes na temporada regular, e o confronto é bem equilibrado. O Saints lidera a série histórica com 28 vitórias, mas o Carolina Panthers está logo atrás com 26 triunfos. Outra curiosidade desse confronto super equilibrado, é que, dos 54 jogos, 26 deles foram decididos por apenas uma posse de bola, com 14 deles terminando com vitória do New Orleans Saints.

Trazendo para o cenário atual, o duelo entre as duas equipes traz franquias que reformularam seu comando em um passado recente, e que ainda estão tentando se encaixar para se tornarem de fato competitivas. É claro que o Saints está alguns passos na frente nessa “reconstrução”, por possuir um elenco mais completo e competitivo, mas também é um time que claramente precisa se estabelecer para brigar por playoffs. A situação no Panthers é um pouco diferente exatamente neste sentido. Enquanto a franquia de NOLA ambiciona brigar pela pós-temporada, o que vimos da equipe da Carolina do Norte nesse início é um time que está bem longe de um recorde positivo esse ano, e ainda possui muitos asteriscos em diversos jogadores importantes.

Christian McCaffrey. Imagem de: Grant Halverson/Getty Images.

A começar pela principal posição do ataque, o QB Baker Mayfield é claramente limitado, e isso acaba por impossibilitar a equipe de vencer jogos, visto o ocorrido em Nova York na última semana. O ponto central do ataque, apesar dos bons recebedores D.J. Moore e Robby Anderson, está na estrela Christian McCaffrey, que felizmente está saudável na semana 3, algo um tanto quanto incomum. A linha ofensiva da equipe é inconstante, e cedeu 4 sacks na semana 1.

Não sei se notaram, mas, em certo grau, o ataque do Panthers enfrenta uma situação parecida com a do Saints: QB não muito confiável, RB estrela, talento no corpo de WRs e linha ofensiva não muito confiável. Obviamente o Saints possui maior talento no ataque, principalmente dentre os recebedores, mas o ataque de Carolina não está sofrendo com um mal que aflige o Saints, as lesões. Como mostra o Injury Report abaixo, a equipe de New Orleans tem 3 peças cruciais de seu ataque listadas como questionável: Jameis Winston, Ryan Ramczyk e Alvin Kamara, isso sem contar o canivete suíço Taysom Hill.

Injury Report. New Orleans Saints.

No setor defensivo, as equipes parecem até possuir um pouco mais de consistência, visto que a defesa do Saints melhorou muito após a semana 1, e a defesa de Carolina não foi atropelada em nenhuma das duas primeiras partidas na temporada, apesar de enfrentar ataques não muito empolgantes. Entretanto, isso pode trazer defesas bem mais motivadas que os ataques, o que pode sugerir um confronto sem tanta pontuação, algo que com certeza não pode ser cravado quanto duas equipes medianas e inconstantes se encontram.

Caso os questionáveis entrem em campo, é natural o Saints possuir certo favoritismo no confronto de domingo (25) às 14 horas, horário de Brasília. Porém, o fato da partida ser fora de casa equilibra um pouco mais as coisas, e ninguém se surpreenderia caso o Panthers saia vitorioso nessa rivalidade de divisão envolvendo duas equipes instáveis e imprevisíveis. Contudo, uma coisa é certa, o resultado desta partida pode definir quais serão os rumos e as ambições de ambas as equipes na temporada de 2022, visto que confrontos de divisão valem muita coisa pensando na tabela de classificação.

Imagem Destacada: AP Photo/Bill Feig.

Please follow and like us:

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.